Sem Messi e Busquets, Barça perde o jogo de ida das quartas da copa do rei por 2 a 0 em Sevilla


| Por Igor Túllio 

Em dia de estreia de Boateng, Valverde não apresenta nada de novo taticamente e Barcelona não consegue jogar

Talvez no jogo mais importante da semana, Messi e Busquets são deixados de fora da convocação - o primeiro já tinha sido resguardado no jogo de domingo do Espanhol onde só entrou no segundo tempo. Sem eles e com a mesma mentalidade do técnico, o barça não consegue jogar, cria poucas chances (e quando as cria desperdiça) e volta para casa com a situação muito difícil para chegar na semi.

Parece que Ernesto Valverde se preocupa somente em trocar as peças mas não o esquema. Todos sabem que é preciso rotacionar o elenco, ainda mais se tratando de jogadores com mais idade, mas em um jogo importantíssimo para o sucesso da temporada - e também para emprego do técnico - nada muda taticamente e o time fica mais uma vez dependente de brilhos individuais.

O melhor lance catalão no jogo foi uma enfiada de Arthur para Malcom onde esse sai cara a cara com o goleiro, dribla para esquerda, mas não consegue finalizar no gol. O camisa 14 mais uma vez não teve uma boa partida; muito tímido em alguns momentos, afobado em outros, ele não consegue mostrar o real motivo de não ter ido para Itália. Já o camisa 8 teve uma boa partida, conseguiu tocar bem a bola e fazer o que sabe de melhor: cadenciar - talvez algo pouco efetivo para sair com a vitória hoje.

Em sua estreia, Kevin-Prince Boateng não conseguiu impor seu jogo. Jogando no lugar de Suárez (que entrou no segundo tempo na vaga no próprio ganês) ele tentou várias vezes de pivô e até voltou para construir jogadas, mas com um Barcelona desinteressado não realizou nenhum grande lance. Junto com o uruguaio entrou Coutinho (na vaga de Malcom) para desespero dos culés, sem jogar como na época de Liverpool, o brasileiro ainda errou no campo de ataque no início da jogada que resultou no segundo gol do Sevilla; sem falar na chance desperdiçada logo quando ele entra em um chute dentro da área

Agora é conseguir fazer um bom jogo no Camp Nou mesmo com essa desvantagem. Mas com certeza teremos Messi desde o primeiro minuto em campo e isso já abre boas chances para o time como um todo. O jogo da volta será daqui uma semana, no dia 30 de janeiro, às 18:30 no horário de Brasília.