Com gols de Dembélé, Suárez e Messi, Barça vence Leganes


| Por Igor Túllio 

Barça  sofre empate, mas garante vitória com gols de Messi, Suárez e Dembélé

Depois de toda a novela sobre a ida ou não do Barça para as quartas de final da copa do rei (algo que agora já está definido, e nessa próxima quarta-feira às 18:30, no horário de Brasília, iremos enfrenta o Sevilla fora de casa) voltamos a jogar pelo campeonato espanhol contra o Leganés, inicialmente buscando manter a vantagem de 5 pontos para o Atlético e de 10 para o Real (agora terceiro colocado); mas também em busca de tentar resguardar o elenco para os próximos jogos que estão por vir.

A partir desse panorama geral duas coisas, que se complementam, ficaram claras nesse jogo: a falta de capacidade de definir jogos que estão até certo ponto fáceis e a grande dependência do nosso camisa 10.

Começamos o jogo sem Léo Messi, que ficou no banco até os 15 do segundo tempo, mas para contar a história do jogo precisamos dividir ele em sem e com Messi.

Sem: O que vinha sendo Dembelé ou Coutinho, hoje foram os dois ao mesmo tempo, mas claramente o francês mostrou porque vinha sendo o titular de Valverde, ele foi o nome do primeiro tempo e a partir disso conseguiu abrir o placar com uma boa jogada que começou na zaga; já o camisa 7, depois de uma ótima atuação no domingo passado, voltou a ter um jogo apático e sem brilho. Uma boa surpresa foi Aleña que jogou no lugar do Rakitic e conseguiu fazer a bola rodar e mostrar que tem capacidade para ser um bom reserva. Mas apesar do grande primeiro tempo do camisa 11, o Barça saiu de campo com só 1 a 0 no placar; e no início da segunda etapa leva o empate em uma das poucas subidas do Leganés. Vale ressaltar a volta de Vermaelen que teve uma partida sólida, até porque não teve dificuldade imposta pelo oponente.

Com: Já com a entrada do 10 o time começa a jogar melhor, criar mais espaços e com poucos passes, a envolver o time adversário. O 2 a 1 vem com um belo chute da entrada da área de Messi onde o goleiro vai buscar mas no rebote Suares faz o dele. O terceiro gol é Dele, com uma bela tabela com Alba (que já tinha dado a assistência para o gol de Dembelé) Messi faz seu gol 401 na história do campeonato espanhol e o 18 dessa temporada - artilheiro do campeonato e primeiro lugar na busca da chuteira de ouro.

Agora o Barça mantém a vantagem sobre seus adversários, conseguiu descansar alguns jogadores como: Messi, Rakitic, Lenglet e Vidal e já pensa no jogo da copa do rei. Uma nota triste foi a lesão do Dembelé que foi substituído por Malcom, mas ainda sem notícias sobre o que ocorreu.