Barcelona derrota o Leganés e iguala recorde de 38 jogos sem derrota da Real Sociedad

| Por Vitor Magalhães 
Catalães iniciam contagem regressiva para o título nacional

O Barcelona venceu a equipe do Leganés por 2-1 na tarde deste sábado (07), com a vitória a equipe catalã abriu 12 pontos de vantagem para o vice-líder Atlético de Madrid, que só entra em campo amanhã. Faltam 7 rodadas para o final do campeonato espanhol, e o 25° título do Barça, parece estar cada vez mais próximo de se tornar uma realidade.

Atuação segura

Em mais um jogo onde Ernesto Valverde optou pela rotação do elenco – foram poupados jogadores como, Umtiti, Alba, Iniesta, Busquets –, o Barcelona demonstrou que possui um elenco forte, venceu com autoridade e sem sofrer riscos na maior parte do jogo. Messi que passou em branco no meio de semana diante da Roma, não ficou para trás hoje e fez o seu 40° hat-trick com a camisa blaugrana.

Aos 27’ o argentino abriu o placar em cobrança de falta certeira, mais uma vez ele mostra sua precisão e capacidade de marcar gols decisivos. 5’ depois, Messi marcou o segundo gol, após boa assistência de P. Coutinho. A segunda etapa parecia não oferecer muita emoção, pelo menos até o gol de El Zhar, que diminuiu o placar para os visitantes aos 68’ (2-1).

Valverde preferiu não correr nenhum tipo de risco de transformar um jogo relativamente tranquilo em casa, em um daqueles episódios de terror. Por isso, colocou Alba e Iniesta em campo, para garantir o controle das ações ofensivas e a vitória. Aos 87’ Messi marcou o seu gol de número 29 no campeonato, o 3° dele na partida. Os culés igualaram a marca de 38 jogos sem derrota e podem superá-la no dia 14, diante do Valencia.


Fim de temporada

A melhor defesa da Europa chega firme na reta final da temporada, com chances reais de título nas 3 competições que disputa durante o ano, o Barcelona vem mantendo ótimos níveis de atuação diante de adversários com níveis de dificuldades distintos. As partidas da Champions League em especial, tem feito a comissão técnica optar por rotacionar jogadores importantes para não sobrecarregar algumas das peças vitais para o bom funcionamento do time.

O jogo de hoje foi mais um exemplo disso, mas há de se destacar boas atuações, ao meu modo de ver, Nelson Semedo foi extremamente eficiente nas disputas individuais hoje, trocou passes e evoluiu seu jogo, se comparado a época em que chegou ao clube. Além dele, Dembélé demonstrou-se um pouco mais à vontade pela ponta direita e Coutinho buscou bem o jogo pelo lado esquerdo do campo.

Após o jogo de volta contra a Roma, na próxima terça (10), os culés enfrentarão: Valencia (casa), Celta de Vigo (fora) e Sevilla (Madrid) pela final da Copa do Rei, no dia 21. Depois destes compromissos, ficará mais claro até onde este Barcelona que pulveriza recordes pretende chegar na atual temporada.