Barcelona resolve o jogo contra o Bilbao no primeiro tempo e se aproxima ainda mais do título espanhol

| Por Vitor Magalhães 
Messi marca o seu 8° gol nas últimas seis partidas e garante a vitória dos culés; Suárez e Busquets ficam de fora

O Barcelona venceu o Athletic Bilbao pelo placar de 2-0 na tarde deste domingo (18) no Camp Nou, em partida válida pela 29ª rodada da La Liga. Cerca de 84.000 pessoas viram de perto a equipe blaugrana em mais uma boa atuação que garantiu a vitória e a manutenção da vantagem para o segundo colocado.

Agora inicia-se a contagem regressiva para o título, menos de 10 rodadas para o fim da La Liga e o Barça tem uma vantagem provisória de 11 pontos para o Atlético de Madrid, que encara o Villarreal no estádio “El Madrigal” logo mais. Além disso a equipe da Catalunha busca ainda o recorde de invencibilidade do futebol espanhol, já são 36 jogos sem perder na La Liga.

O Jogo

O Barcelona entrou em campo neste domingo com alguns desfalques importantes, Busquets lesionado e Suárez, que ganhou descanso, ficaram de fora. Além deles, o capitão do time, Iniesta, ganhou um descanso e começou no banco de reservas, mas entrou no decorrer do segundo tempo para cadenciar o jogo que já estava sob controle.

Chance para testar novamente uma formação ofensiva, o técnico Valverde começou a partida com Messi, Paulinho, Coutinho e Dembèlè, decisão que se mostrou eficaz ainda no primeiro tempo. Com um começo avassalador, a equipe blaugrana não deu chances para o adversário desde o início da partida. Aos 8 minutos Messi iniciou a jogada pelo lado esquerdo e tocou para Jordi Alba, que rolou a bola para o meio da área e encontrou o esforçado Paco Alcácer que apenas empurrou para dentro, 1-0. Um prêmio e tanto para o atacante, que pouco vem sendo aproveitado nas últimas partidas.

Depois daí a pressão só aumentou, o Barcelona subiu a marcação e roubou bolas em posições estratégicas do campo, começando a arriscar mais chutes e criar algumas jogadas trabalhadas. Aos 14’ Coutinho acertou a primeira de 3 bolas que carimbaram a trave do clube do país Basco no primeiro tempo – as outras duas foram de Paulinho e do próprio Coutinho –. Aos 30’ Dembèlè carregou a bola pela direita e tocou para Messi na entrada da área, de frente para o gol o argentino não perdoou e com um chute potente e extremamente preciso venceu o arqueiro Arrizabalaga, ampliando a vantagem do time da casa, 2-0.

O segundo tempo foi morno e sem grandes chances criadas por ambas as equipes. O Barcelona administrou a boa vantagem construída na etapa inicial e garantiu mais 3 pontos valiosos na caminha rumo ao título espanhol da temporada 2017/2018.

Descanso e trabalho

O próximo compromisso do clube catalão será apenas em 31 de março, contra o Sevilla pela La Liga, 4 dias antes de enfrentar a Roma pelas quartas de final da UEFA Champions League. Tempo que servirá para recuperar atletas importantes como Busquets, e descansar outros jogadores sobrecarregados com o grande números de compromissos seguidos na temporada.

A Champions é o maior sonho do torcedor culé, mas é preciso levar em consideração que o time permanece vivo nas três competições que disputa no ano. Ainda restam 9 jogos da La Liga, e a final da Copa do Rei está marcada para o dia 21/04. O equilíbrio fará toda diferença nesse momento e quem chegar mais inteiro fisicamente na reta final da temporada terá uma vantagem inicial importante sobre os adversários.