Barcelona vence o Eibar fora de casa e iguala recorde histórico do clube de 31 jogos sem perder na La Liga


| Por Vitor Magalhães 

Antes de enfrentar o Chelsea fora de casa pelas oitavas de final da Champions League, a equipe catalã vence o Eibar no Ipurua

Hoje foi dia de assistir ao Barcelona entrar em campo pela 24ª rodada da La Liga, 3 dias antes do primeiro jogo contra o Chelsea no Stamford Bridge, em Londres. O clube catalão enfrentou a forte e arrumada equipe do Eibar fora de casa, e venceu por 0-2 no acanhado Estádio Municipal de Ipurua; uma vitória que precisa ser valorizada por dois motivos. 

O primeiro é a manutenção da vantagem sobre o Atlético de Madrid que é de 10 pontos, pelo menos até amanhã, quando o time da capital entra em campo. O segundo motivo é que o Eibar é 7° colocado no campeonato, está lutando por vaga em competições europeias e já tirou pontos de times como o Valencia (3° colocado), além do que a defesa da equipe é a 2ª que menos sofre finalizações na Europa, atrás apenas do Manchester City nesse quesito.


Pouco espaço x Precisão

O jogo começou com uma temperatura mínima de 6°C na região do modesto Estádio Municipal de Ipurua que tem capacidade para 7 mil torcedores e estava lotado. A equipe da casa tratou de aquecer as coisas dentro de campo, o Eibar subiu a marcação e deixou claro que seria um daqueles jogos onde o Barcelona seria forçado a sair de suas características ou executá-las de forma mais arriscada. Logo no primeiro minuto de jogo o time roubou uma bola e chegou assustando com uma boa cabeçada do lateral esquerdo José Ángel.

Os 10’ seguintes foram de pressão do time da casa, o Barcelona flertou por vezes com os erros de passe que geraram contra-ataques perigosos para o Eibar, que empurrado por sua torcida chegava perigosamente aos domínios catalães. Com 12’ o adversário já contabilizava 6 chegadas perigosas ao gol de Ter Stegen. Um detalhe importante é que o gramado do estádio local é “apertado”, o que não ajuda muito a característica de troca de passes laterais dos culés, que por vezes tiveram que se reinventar na partida de hoje.

O jogo se desenhava difícil até o minuto 16, quando Lionel Messi – sempre ele –, deu um passe milimétrico, (daqueles de video-game) para Luisito Suárez driblar o goleiro Dmitrovic e abrir o marcador 0-1. Dois minutos mais tarde veio a resposta; um dos principais destaques da equipe do Eibar, o lateral direito Orellana, arriscou um belo chute de fora da área e carimbou o travessão blaugrana. Outro detalhe importante de ser citado é que o primeiro tempo do Eibar foi melhor taticamente, o time local teve 53% da posse de bola na etapa inicial, fato que qualquer torcedor do Barcelona saberá reconhecer como impressionante, já que o Barça é a equipe que sempre prioriza mais a posse de bola.

Na segunda etapa dois fatos mudaram a partida, o primeiro foi a entrada de Coutinho no lugar de Iniesta, aos 63’. Pouco tempo depois, Paulinho que não estava na sua melhor condição física saiu para a entrada de Vidal, que teve boa participação. Aos 66’ o segundo fato veio à tona, o grande destaque dos mandantes, o lateral Orellana, recebeu o segundo amarelo por jogar a bola para longe depois de uma falta e foi expulso. Alívio para o Barça, e principalmente para Jordi Alba que sofria bastante com as subidas do chileno ao ataque.

Depois da expulsão o Barcelona retomou a posse de bola e controlou a partida, por vezes teve chance de contra-ataque no 1x1, mas não soube aproveitar a maioria delas. Aos 88’ Coutinho na esquerda recebeu passe de Alba e virou o jogo para Aleix Vidal que de primeira jogou a bola para Messi dentro da área, o argentino finalizou em cima do goleiro Dmitrovic, mas no rebote Jordi Alba marcou o seu 2° gol no campeonato e o 0-2 para o Barcelona na partida.

Resultado

O Barcelona conseguiu uma vitória importante para o andamento do campeonato. Depois de dois empates em uma sequência de 3 jogos difíceis na última semana, o time catalão abriu 10 pontos de vantagem para o Atlético de Madrid que terá que vencer um jogo complicado contra o Athletic Bilbao na capital amanhã, para devolver para 7pts a vantagem blaugrana. 

Messi está voando, apesar de não aumentar sua média pessoal contra o Eibar, 12 gols em 6 partidas (sem contar o jogo de hoje), o argentino participou ativamente do resultado e dos dois lances de gol, além de ter criado várias outras oportunidades que não foram aproveitadas. Messi foi um maestro em campo, acelerava quando precisava acelerar e segurava a equipe quando era necessário, e com uma assistência perfeita para o companheiro e amigo L. Suárez, foi decisivo no momento mais complicado do jogo. O time chegou aos 31 jogos sem derrota na competição e igualou o recorde da equipe de Pep Guardiola na temporada 2010/11.

Agora o Barcelona descansará e viajará para Londres onde encara o Chelsea pela Champions League na terça-feira (20), o time que começará o jogo provavelmente será o mesmo que iniciou a partida de hoje contra o Eibar, e bom, se soubermos jogar contra a pressão e com a precisão e habilidade que foram demonstradas hoje, a equipe inglesa tem sérios problemas com os quais se preocupar.