Barcelona tropeça mais uma e vai se distanciando cada vez mais da liderança do campeonato

| Por Renato Kubaszewski
Com gols de Willian José para o Real Sociedad e Messi para os Blaugranas, time catalão empata mais uma e vê o Real Madrid abrir seis pontos na liderança

Neste domingo (27), às 17h45, o Barcelona entrou em campo para enfrentar o Real Sociedad, no estádio Anoeta, pela décima terceira rodada do campeonato espanhol. O Real Sociedad abriu o placar logo no início do segundoo tempo, com Willian José, mas não demorou muito para o Barcelona empatar com Lionel Messi. Com o placar de 1 a 1, o Barcelona teve o seu segundo empate seguido no campeonato e segue sem vencer o Real Sociedad no Anoeta desde 2007.

Vice-líder do campeonato, o Barcelona viu o Real Madrid vencer o Sporting Gijón no sábado e abrir sete pontos de vantagem na liderança, pressionando o time catalão a vencer para não se distanciar na tabela. Por outro lado, a equipe de Luis Enrique enfrentava o Real Sociedad vindo de três vitórias consecutivas e sempre sendo um adversário duro quando joga em casa.

Barcelona apagado e Real Sociedad domina o jogo

Começando o jogo muito bem e pressionando o Barcelona logo no campo de defesa, o Real Sociedad mostrava que entrara na partida para ganhar. Com um ótimo primeiro tempo de Carlos Vela, o time basco controlou o primeiro tempo e dominou o Barcelona em todos os sentidos.
Com um ótimo jogo tático do Real Sociedad, o Barcelona teve seus laterais anulados e um meio de campo sem criação, não permitindo a bola chegar ao trio MSN, que pouco apareceram no primeiro tempo. Os donos da casa venciam na posse de bola, na marcação, criavam mais e jogavam melhor do que os catalães.

Apesar de serem muito superiores no primeiro tempo, os donos da casa não tiveram nenhuma chance tão clara de gol, fazendo com que o 0 a 0 na primeira etapa tenha saído barato para o Barcelona, que mal conseguiu jogar.

Willian José abre o placar, Messi empata e o Barcelona é pressionado

Sendo dominado no primeiro tempo, todos esperavam que o Barcelona melhorasse na segunda etapa, mas o dia era dos donos da casa. Apesar da primeira chance na volta do intervalo ser de Neymar em uma cobrança de falta, foi o Sociedad quem abriu o placar.

Aos 8min da segunda etapa Piqué recua mal, Mascherano perde no corpo para Vela e o atacante obriga Stegen a fazer ótima defesa. Mas no rebote a bola sobra para Willian José que, livre de marcação, escora de cabeça para o fundo das redes.

Mas não demorou muito tempo depois do gol e o Barcelona respondeu. Em ótima jogada de Neymar pela esquerda, o brasileiro passa em velocidade por dois marcadores e rola para Messi. O argentino domina e chuta forte sem chances para o goleiro Rulli. Foi o nono gol de Messi no campeonato espanhol.

Depois do gol de empate, o Barcelona parece mostrar uma reação, mas durou pouco tempo. O Real Sociedad voltou a jogar melhor e criava uma chance atrás da outra. Faltando 15min para o fim da partida, Vela chutou com categoria e Stegen só assistiu a bola parar no travessão. No rebote, Juanmi completou para o gol e o bandeirinha sinalizou impedimento. Gol mal anulado pelo juiz da partida.

O time da casa continuava mais próximo do segundo gol do que o Barcelona. No final da partida, Carlos Vela ainda acertou mais um chute na trave, mas o resultado ficou o mesmo.

Barcelona se distancia do líder e deixa Sevilla se aproximar

Com o empate de hoje contra o Real Sociedad por 1 a 1, o Barcelona ganhou apenas um ponto e chega a 27 pontos na tabela, mesma pontuação do Sevilla que venceu o Valencia. Barcelona e Sevilla dividem a vice-liderança com seis pontos atrás do líder Real Madrid, que chegou aos 33 pontos em 13 jogos. O quarto colocado é o Atlético de Madrid, que depois de duas derrotas seguidas voltou a vencer e chegou a 24 pontos.

A próxima partida do Barcelona no campeonato espanhol será no próximo sábado, dia 03 de dezembro, às 13h15, quando receberá no Camp Nou o líder Real Madrid. O Barcelona precisa mais do que nunca vencer o ‘El Clásico’ para se manter na cola do líder, caso contrário o seu maior rival poderá abrir nove pontos de diferença.