Organização denuncia trabalho escravo e pede que Barça corte relações com a Qatar Airways



A relação do Barcelona com a Qatar Airways foi motivo de críticas nesta quinta-feira (2). Sharan Burrow, secretária-geral da International Trade Union Confederation (ITUC), pediu para que os sócios do clube se coloquem contra a companhia aérea nas próximas eleições presidenciais.

Em um vídeo divulgado no YouTube, Burrow afirma que a empresa, patrocinadora do Barça, é uma das piores do mundo e responsável por trabalho escravo no Catar.

"Qatar Airways é uma das piores empresas do mundo, que não respeita os direitos dos trabalhadores", disse ao lembrar a história do Barcelona como um dos maiores times do mundo.

A secretária-geral atacou ao dizer que a empresa não respeita mulheres e explora imigrantes com condições de trabalho muito abaixo do necessário. Assim, Burrow pediu para que os sócios questionem o patrocínio e cobrem uma posição do clube. A eleição para definir o presidente do clube catalão acontece neste mês de julho.

"Estes definitivamente não são os valores do Barcelona. Vocês são mais do que um clube e merecem o melhor. Como um dos clubes esportivos mais ricos do mundo, o Barcelona não precisa do dinheiro de sangue da Qatar's sujando a camisa", disparou.

A ITUC representa mais de 176 milhões de trabalhadores em mais de 162 países no mundo.

Fonte: ESPN