Piqué: "Tentaremos ganhar a Tríplice, mas temos que ter pé no chão"



Apesar da confiança, zagueiro pediu 'pés no chão' aos companheiros nos confrontos decisivos na Copa do Rei, La Liga e Champions League

Após conhecer o seu adversário na final da Champions League, Gerard Piqué conversou com a imprensa nesta sexta-feira e avaliou a situação do Barcelona, que está muito próximo de conquistar a Tríplice Coroa.

"Será uma final difícil. A Juventus é uma equipe histórica, com muitos torcedores, histórias e jogadores de altíssimo nível. Uma equipe que, apesar de ser italiana, não é defensiva como demonstrou no Bernabéu. Estamos emocionados e ansiosos para que chegue o dia. Porém, antes temos o jogo no Calderón, no domingo, e vamos tentar conquistar a La Liga. Depois ainda encaramos a Copa do Rei. Será um mês muito excitante", afirmou o jogador.

O zagueiro do Barcelona ainda falou sobre a sua preferência de encarar o Real Madrid na final da Champions.

"No final, a Juve mereceu. Fez um grande campeonato, uma grande Champions. Não somos os favoritos, será 50% para cada lado. Vamos fazer o que temos feitos nestes meses, mas temos pela frente uma equipe que eliminou Real Madrid e Borussia Dortmund. Queria jogar uma final com o Real Madrid por causa da rivalidade. Sou o tipo de jogador que quer viver isso antes da aposentadoria", analisou.

Confira os trechos da entrevista:

O futuro de Luis Enrique

"Esta é uma pergunta que deve ser feita para o treinador que ainda tem um ano de contrato. Ele deixou claro que esta é a sua casa e pretende ficar. Mas acho que essa pergunta não deve ser feita para mim.".

Barcelona tem o objetivo de ganhar tudo

"Creio que seja difícil escolher entre os três campeonatos. Não me recordo de ver o Barça com tantas oportunidades. Em janeiro tivemos o nosso pior momento na temporada. Mas esta equipe é a prova de bombas. Podemos ganhar a Tríplice, mas ainda não ganhamos nenhum título. Devemos manter os nossos pés no chão."Eu quero ganhar a La Liga. Não importa onde e quando.".

Equipe madura

"Somos uma equipe madura, que pode lidar com situações ruins com maiores garantias de sucesso. Nós evoluímos no jogo, não somos uma equipe com 70, 80% de posse de bola. Estamos mais diretos e mais fortes. A equipe é muito completa e tem comprovado ao longo da temporada.".

"Se apresentarmos o nosso futebol, pode cair um meteoro que nada acontece. Temos que fazer o nosso melhor trabalho da melhor forma possível.".

Fonte: Goal