OFICIAL! Xavi vai deixar o Barça no fim da temporada


Noticia triste para todos os culés, o meia Xavier Hernández anunciou nesta quinta-feira que vai deixar o da sua vida no final da temporada.


Com 35 anos e recordista de partidas no Barcelona, e atual capitão do clube, Xavi vai deixar o Barcelona e vai jogar no Qatar pelas 2 próximas temporadas.


Xavi disse que é a hora certa de deixar o Barcelona, mesmo sendo triste, o jogador também afirmou que tem como objetivo voltar para o Barça um dia.

Confira alguns destaques da coletiva:

"Eu gostaria de anunciar a minha saída do Barça no final dessa temporada. É uma decisão definitiva e muito difícil."

"Creio que seja o momento certo de sair, me sinto importante aqui, mas esse é o momento certo."

"Eu vou para o Qatar, ficarei lá pelas 2 próximas temporadas, eu vou jogar no Al Saad"

"Agradeço muito a torcida, espero não decepcionar ninguém saindo, meu objetivo principal e voltar a minha casa ,o Barça, algum dia."

"Me ofereceram uma renovação até 2018, mas eu já tinha tomado a decisão de sair."

"Eu tenho 35 anos, estou aqui há 25, acho que é a hora certa de ir embora. Espero que sábado seja uma grande festa."

"Gostaria de ser lembrado como alguém que deu tudo pelo Barça e pela Seleção"

"Eu queria agradecer o tratamento incrível que a torcida me deu, é algo impagável."

"Não tenho inimigos no futebol, a unica coisa que eu fiz foi aproveitar cada minuto da minha carreira no Barça."

"Vai ser muito difícil deixar de usar a camisa do Barcelona, vou sentir falta de Iniesta, Messi e de muitos outros."

"Eu sei que o Barça vai continuar ganhando sem Xavi"

"Meu sonho e treinar o Barça, espero conseguir um dia."

"Broncas de treinadores? Já levei muitas principalmente de Van Gaal.(risos)"

"Luis Enrique e eu sempre falamos sobre futebol, e ele é honesto nunca me enganou."

"O que me faltou? Acho que marcar um hat-trick ou um gol de bicicleta, mas dá tempo ainda restam 3 jogos.(risos)"



17 anos na primeira equipe


Depois da vitoria sobre o Atlético, as câmeras de televisão flagraram Xavi chorando, após conquistar sua 8ª Liga Espanhola, o 23º título com o Barça. O meia é o jogador que mais troféus ergueu na história do clube.


Com duas finais ainda pela frente, na Copa do Rei contra o Athletic Bilbao (30 de maio) e na Liga dos Campeões diante da Juventus ( de junho), Xavi tem a oportunidade de ampliar a coleção de títulos e despedir-se da Catalunha com uma 'tríplice coroa'.


O meia chegou perto de deixar o Barcelona no fim da temporada passada, quando o time passou em branco, mas o novo técnico Luis Enrique o convenceu a ficar.

Nesta temporada, Xavi teve que se contentar muitas vezes com a reserva, mas contou com o confiança do técnico em partidas decisivas. Agora, após 17 anos no time principal do clube, o meia dará adeus ao futebol de ponta.

"Xavi está saturado, já são muitos anos, muitos jogos e ele também precisa de tranquilidade", declarou o pai.

A saída de Xavi deixará um vazio emocional na torcida do clube, que no último ano viu outros dois grandes ídolos históricos, o zagueiro e capitão Carles Puyol e o goleiro Víctor Valdés, deixaram o Camp Nou.

"Não acho que haverá outro jogador como ele. É um jogador único e que foi fundamental no clube e na seleção. É um verdadeiro prazer e privilégio ter tido ele ao meu lado durante toda minha carreira", elogiou o meia Andrés Iniesta, outro pilar do clube.


No plano esportivo, o Barcelona, que sofre com uma proibição imposta pela Fifa de contratar novos jogadores, deve substituir Xavi com atletas que já estão no elenco, como o croata Ivan Rakitic, titular na maior parte da temporada, ou o jovem brasileiro Rafinha Alcântara.


No Barcelona desde 1991, quando tinha apenas 11 anos de idade, Xavi se tornou o jogador com mais partidas disputadas com a camisa do Barcelona (mais de 760) e uma peça fundamental nas recentes conquistas do time e da seleção espanhola, da qual se aposentou no ano passado, após 133 jogos, dois títulos de Eurocopa e uma Copa do Mundo.